Home Notícias Dois novos Eurofighters Typhoon recebidos ontem pela Forca Aérea do Kuwait

Dois novos Eurofighters Typhoon recebidos ontem pela Forca Aérea do Kuwait

0
Dois novos Eurofighters Typhoon recebidos ontem pela Forca Aérea do Kuwait

blank
EFA Photos from Kuwait (Assessoria de Imprensa – Leonardo no Brasil)

O programa Eurofighter acaba de entregar a quinta e a sexta aeronaves modelo Eurofighter Typhoon produzidos para a Força Aérea do Kuwait, que aterrissaram ontem no país como parte de um pedido mais amplo, que prevê um total de 28 aeronaves a serem entregues à Força Aérea do país. O programa está progredindo conforme o esperado, realizando com sucesso as entregas programadas.

As atividades de recepção foram concluídas em um esforço combinado envolvendo as equipes do Kuwait, da Itália e do escritório conjunto do International Program Office. O voo de balsa, operação realizada para a entrega dos novos Eurofighters, foi possível graças ao apoio da Força Aérea Italiana, que executou uma manobra de reabastecimento em voo por meio de um navio-tanque KC-767A da 14ª Ala, Pratica di Mare.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Guido Sibona, vice-presidente do Programa Eurofighter da Leonardo, disse: “Estamos orgulhosos de entregar ao nosso cliente mais dois novos Eurofighters, incluindo o primeiro avião monoposto. Eles se juntam às aeronaves já em serviço na nova base de Salem Al Sabah, que recentemente atingiram a marca de cem missões aéreas. Os Eurofighter Typhoons que desenvolvemos para a Força Aérea do Kuwait são os mais avançados já produzidos no âmbito do programa europeu. Em cooperação com a Força Aérea Italiana, estamos fornecendo ao país uma ampla capacidade de defesa aérea, juntamente com a construção de infraestrutura de última geração para apoiar e manter a frota total de 28 aeronaves.”

Um destes dois aviões esteve recentemente entre os protagonistas da mais recente edição do Royal International Air Tattoo, que aconteceu na RAF Fairford, no Reino Unido, e contou com a participação da Força Aérea do Kuwait pela primeira vez desde 1993. Na ocasião o piloto, o coronel Eisa Airashidi, comandante do 7º Esquadrão da Força Aérea do Kuwait, comentou: “Este ano estamos muito orgulhosos de retornar ao Royal International Air Tattoo com o Eurofighter Typhoon mais avançado do mundo. Graças às capacidades desta plataforma, a Força Aérea do Kuwait se tornou uma das forças aéreas mais bem equipadas da região.”

O programa Eurofighter Kuwait faz parte de uma colaboração mais ampla e profunda entre a Força Aérea Italiana e a Força Aérea do Kuwait, que abrange operações, suporte e treinamento de pilotos. É também a Força Aérea Italiana quem está realizando o treinamento inicial, na Itália, dos engenheiros e técnicos que apoiarão as atividades da frota do Typhoon no país.

A Leonardo está desempenhando um papel fundamental na evolução do Eurofighter graças ao novo radar AESA (Active Electronically Scanned Array) que equipa os Eurofighter Typhoons para o Kuwait, aumentando o desempenho e a capacidade da aeronave. O Eurofighter Typhoon se beneficia ainda de um programa bem definido de atualizações e aprimoramentos tecnológicos, que garantem capacidade de ponta em todo o seu ciclo de vida. Tecnologias em constante evolução, tanto a bordo da aeronave quanto no suporte logístico, aumentam a eficácia operacional, a capacidade de sobrevivência e o gerenciamento eficiente.

O programa Eurofighter é uma pedra angular no desenvolvimento de tecnologias aeroespaciais e de defesa europeias e fornece às indústrias envolvidas liderança tecnológica que garantirá a competitividade de muitos programas da próxima geração. A Leonardo representa com suas atividades cerca de 36% do valor de todo o programa, tendo papel fundamental no desenvolvimento de componentes aeronáuticos e eletrônicos de bordo, fornecendo mais de 60% da aviônica de bordo da aeronave.

O programa é gerenciado pelo consórcio Eurofighter GmbH, de propriedade da Leonardo, BAE Systems e Airbus Defence & Space para Alemanha e Espanha. Do lado do governo, é administrado pela Eurofighter & Tornado Management Agency (NETMA), da OTAN, que foi criada para atender às necessidades de compras das forças aéreas dos quatro países participantes: Itália, Reino Unido, Alemanha e Espanha. Além dos quatro países parceiros, que já encomendaram 510 Typhoons, os clientes internacionais agora incluem Arábia Saudita (72 aeronaves), Áustria (15), Omã (12), Kuwait (28) e Qatar (24), totalizando 661 aeronaves encomendadas.

Fonte: Defesa em Foco

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here