EMBRAER AMPLIA PARCERIA COM AVFUEL PARA EXPANDIR USO DE SAF

A Embraer anunciou um novo acordo com a Avfuel para expandir o uso de combustível sustentável de aviação (SAF). As empresas aumentarão o abastecimento do Neste MY Sustainable Aviation Fuel™, fornecido pela Avfuel, para uma carga semanal no Aeroporto Internacional de Melbourne Orlando (KMLB).

Desde julho de 2021, Embraer e Avfuel têm um acordo de abastecimento de SAF focado nas operações de voo da Embraer Aviação Executiva em Melbourne, na Flórida. A parceria original entregava trimestralmente cerca de 30 mil litros de SAF para a Sheltair MLB, FBO que fornece serviços de armazenamento e abastecimento para a Embraer.

Com o novo acordo, vigente desde abril deste ano, a entrega semanal resultará em mais de 900 mil litros de SAF fornecidos à Embraer em 2024, um aumento significativo comparado aos anos anteriores. Cada entrega semanal reduzirá em 19 toneladas métricas as emissões de carbono, totalizando uma redução anual de 570 toneladas métricas.

Michael Amalfitano, Presidente e CEO da Embraer Aviação Executiva, declarou: “A parceria com a Avfuel e a Sheltair é fundamental para nossa jornada rumo a operações neutras em carbono. Nosso contínuo investimento em SAF demonstra nosso compromisso em reduzir emissões e aproximar a indústria da meta de emissões líquidas de carbono zero até 2050.”

C.R. Sincock, II, Vice-Presidente Executivo da Avfuel, destacou: “A Embraer tem sido uma parceira constante na adoção do SAF. Estamos orgulhosos de aumentar significativamente o fornecimento de SAF para ajudar a Embraer a cumprir suas metas de sustentabilidade. Agradecemos também à Sheltair pelo suporte essencial, fornecendo serviços de manuseio e segurança de combustível.”

Leonel Rivera, Vice-Presidente Sênior de Operações FBO da Sheltair, afirmou: “Estamos satisfeitos em apoiar a Embraer no manuseio e armazenamento dessas entregas de SAF. Esta colaboração demonstra nosso compromisso em atingir a meta de emissões líquidas de carbono zero até 2050.”

O investimento da Embraer em SAF apoiará principalmente voos de demonstração, entregas e voos de produção em Melbourne. Além disso, a Embraer continua a melhorar a eficiência de seu portfólio de aeronaves, explorar tecnologias de propulsão alternativas de baixas ou zero emissões e oferecer compensação de carbono gratuita a novos clientes do Embraer Executive Care, em parceria com a 4AIR. Esses esforços apoiam o compromisso da empresa de alcançar operações neutras em carbono até 2040 e aviação com emissões líquidas de carbono zero até 2050, em linha com o compromisso Fly Net Zero da indústria.

About marcelo barros

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

Check Also

SIATT e ITA Celebram 40 Anos de Carreira de Executivos

Em um evento marcado por inovações tecnológicas e debates sobre o futuro da engenharia, o …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *